Procuras meu reflexo na água

Então percebes...

Hoje sou noite, sou as estrelas,

Hoje sou  lua.

Desnuda em força

Sou pura essência.

Eu sou Mulher.

Tornei-me noite,

tornei-me estrela,

Tornei-me lua.

 

Sou os teus sonhos,

Teus devaneios.

Tua saudade,

Sou a lembrança, sempre presente,

Em cada gesto, em cada cheiro, cada lugar.

 

O meu canto, o meu chamado tu ouvirás.

Mas sou quimera...

Meu canto, o das sereias...

Tua busca será eterna,

Mas nunca me alcançarás...

Suely Vieira

 

Direitos autorais reservados.

 

 Indique esta Página!

Escolha aqui aonde deseja ir: